Pedro David (Santos Dumont, MG, 1977)

Vive e trabalha em Nova Lima e Belo Horizonte.

 

Fotógrafo/artista visual, graduado em jornalismo pela PUC, MG, 2001, cursou pós-graduação em artes plásticas e contemporaneidade na Escola Guignard (UEMG, 2002). Publicou os livros Paisagem Submersa (Cosac Naify 2008), O Jardim (Funceb 2012), Rota Raiz (Tempo D’Imagem 2013) e Fase Catarse (Fmc - BH, 2014);

 

De suas participações em exposições coletivas, destacam-se as realizadas Museu de Arte do Rio - MAR, 2017, no Festival Fotofest (Houston - EUA, 2016), no Musée du Quai Branly (Paris - França, 2013),  Museu de Arte Contemporânea do Ceará (Fortaleza-CE, 2012) Ex-Teresa arte Actual (México D.F., 2011), Geração 00 (Sesc Belenzinho – São Paulo, 2011); Noordelicht Photogallery (Groningen, Holanda, 2008), 5ª Bienal de Fotografia e Artes Visuais de Liége (Mammac – Liége, Bélgica, 2006).

 

Realizou individuais na Blue Sky Gallery (Portland - EUA, 2015), na Galeria Blau Projects (São Paulo, 2016) na galeria Roberto Alban (Salvador - Bahia, 2016), no Museu Mineiro (Belo Horizonte, 2014), no Museu Provincial de Bellas Artes Franklin Rawson (San Juan - Argentina, 2014),  Museu de Arte Moderna da Bahia (Salvador, 2012), na Fauna Galeria (São Paulo, 2012), Centro Municipal de Fotografia de Montevideo (Uruguay, 2008), Palácio das Artes (Belo Horizonte – 2008).

 

Recebeu os prêmios: Prêmio Fundação Conrado Wessel de Arte – 2012; Prêmio Funarte Marc Ferrez de Fotografia; II e III Prêmio Itamaraty de Arte Contemporânea (2012 e 2013); Arte Pará (2012), Prêmio Nacional de Fotografia Pierre Verger (2011), o Prêmio União Latina – Martín Chambi de Fotografia (2010) e o Prêmio Porto Seguro Brasil de Fotografia (2005).